Carrinho de compras

Nenhum produto no carrinho.

GNV: Você sabe como é abastecido?

Talvez essa seja uma informação conhecida por muitos, principalmente pelos usuários do Gás Natural Veicular (GNV). Porém, quando falamos do assunto, muitas dúvidas surgem sobre os processos, fornecimento, abastecimento e até mesmo a segurança e economia.

Confira algumas dessas informações:

1) Afinal, como é feito o abastecimento do GNV?

O abastecimento do gás natural veicular é feito em postos de combustíveis equipados para esse procedimento. No qual, no momento do abastecimento o frentista deverá ligar um cabo de aterramento em um ponto de aterramento próximo à válvula de abastecimento, presente no alojamento do motor do veículo. É operado de maneira semelhante a uma bomba de combustível, no qual essa válvula fornece o volume de GNV abastecido.

2)  Quais os cuidados necessários na hora de abastecer o GNV?

Estes são procedimentos básicos que visam a segurança do consumidor.

  • Desligar o motor;
  • Desligar todos os faróis e equipamentos eletrônicos;
  • Abrir o porta-malas e portas;
  • Não fumar;
  • Sair do veículo.

Tais procedimentos são universais e devem ser seguidos também para abastecimento de gasolina, uma vez que os combustíveis são inflamáveis e podem apresentar risco à saúde.

LEIA TAMBÉM: CONHEÇA O KIT GNV

3) Existe um limite mínimo e máximo de abastecimento? Como funciona?

O limite de abastecimento é de responsabilidade do posto de abastecimento GNV, que deve informar ao consumidor a pressão máxima que pode ser fornecida. Contudo, vale lembrar que de acordo com o Art. 23, da Resolução ANP n.º 41, estabelece que o revendedor varejista de GNV se obriga a disponibilizar GNV ao consumidor final a pressão mínima de abastecimento é de 180 kgf/cm² e máxima de 220kgf/cm².  Acima desse valor pode haver redução de vida útil dos cilindros e dos demais componentes do kit, além de comprometer sua segurança.

4) É preciso manter o tanque com combustível líquido?

Para assegurar o bom funcionamento de seu veículo e evitar danos ao sistema de injeção eletrônica de combustível líquido, é necessário manter um pouco de gasolina ou etanol no tanque. Sem o combustível líquido no tanque, o pode ocorrer a queima da bomba elétrica de combustível.

5) O GNV é mais econômico que os combustíveis líquidos?

Com as constantes variáveis do preço do combustível líquido, o GNV torna-se uma excelente alternativa para os motoristas que rodam bastante e desejam economizar. O GNV pode render até 60% a mais que a gasolina e você pode calcular se a conversão faz sentido para seu uso, utilizando nosso Cálculo de Economia GNV.

6) Ao instalar um kit GNV em um veículo, como saber se o cilindro e instalação estão em ordem e adequadas para o uso? E qual a validade dos cilindros?

A segurança do kit GNV e dos cilindros está garantida pelo sistema de controle de qualidade, pelo certificado de conformidade e selo do INMETRO presente nos cilindros. Quanto à instalação, você pode verificar na oficina, se o kit a ser instalado em seu veículo está registrado no INMETRO.

Quanto à validade, existe por obrigatoriedade a recomendação de revalidar o uso do cilindro por meio de inspeção periódica a cada cinco anos. A partir deste momento a segurança do Kit GNV, depende de cuidados específicos que devem ser tomados durante o seu uso.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Iniciar chat
Fale com um atendente!
Que bom que está aqui!
Me conte como posso te ajudar.